"Somos anjos duma asa só e só podemos voar quando nos abraçamos uns aos outros."

Pensamento de Fernando Pessoa deixado para todos os que estão na lista abaixo e àqueles que passam sem deixar rasto. Seguimos juntos!

OS AMIGOS

sexta-feira, 18 de maio de 2012

OLHAR ATRAVÉS DA ALMA...



Frágeis os comandos do coração.
Movem-se numa complexa engrenagem
que se ligam e desligam
Conforme a emoção…
Reactivos,
Rendem-se aos caprichos da mente.
A ambição desmedida de tudo querer
O ego levantado
O orgulho assoberbado 
Que enche a boca de tudo poder dizer
O egoísmo…
São elos que se desgastam
E arrastam a nossa essência sem prudência
para a força incontrolável das mágoas
Afogando-a nos obstáculos
Em vez de os contornar
À semelhança da sabedoria das águas…
Em desequilíbrios contraproducentes 
Assentes em mil razões
Quebram-se correntes
Dessecam-se nascentes
Abatem-se pontes e cortam-se caminhos
E só depois deste frenesim
De rédeas soltas e desgovernadas
Se arquitectam novas estratégias
E tudo se reinventa
Porque os corações endurecidos acabam sozinhos
E a essência dilacerada
Grita aos comandos que esta “máquina” se alimenta
 De pequenos/grandes nadas

Dulce Gomes

Olhares da minha alma...

4 comentários :

  1. Olá Dulce boa tarde,
    Um poema/reflexão que já li e reli e que não acho fácil de interpretar.
    Tem muito para reflectir.
    A nossa mente tem muita influência nos "batimentos" do coração e no controle das emoções.
    Durante a nossa vida muitas situações acontecem para que os nossos olhares se modifiquem.
    E nada melhor que o avançar da idade para olharmos o mundo com a experiência desses batimentos:) e deixarmo-nos envolver pelo melhor que a vida nos oferece, mesmo que envolva sofrimento.
    Um beijinho.
    Ailime

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ailime.
      Obrigada pelas suas palavras. Entendo o que me disse, por vezes as palavras saem de rajada e nem sempre será plenamente entendível a quem lê:))
      Um beijinho amiga

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Devolvo as tuas palavras Filha de Maria. Também gosto de te ler:))
      Um beijinho grande

      Eliminar

As palavras de amizade e conforto podem ser curtas e sucintas, mas o seu eco é infindável.
Madre Teresa de Calcutá